Blog SparkOne

5 benefícios da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica

NFS-e

Criada em 2007, a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e) foi desenvolvida para padronizar e tornar mais eficaz a administração tributária dos municípios. Com a criação desta modalidade de nota, houve uma notável redução de custos de impressão e aumento do controle financeiro para as empresas emissoras.

Para saber o que é uma Nota Fiscal de Serviço Eletrônica e conferir 5 benefícios da NFS-E para sua empresa, continue a leitura deste artigo!

O que é a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-E)?

A Nota Fiscal de Serviço Eletrônica é uma Nota Fiscal utilizada no contexto de prestação de serviços de qualquer tipo, amplamente utilizada na prestação de serviços de terceiros às empresas, como consultorias, eventos, exposições, e diversas prestações de serviços. Assim como as demais Notas Fiscais Eletrônicas, (NF-E e NFC-E), a NFS-E também apresenta validade jurídica e fiscal no ambiente digital ou físico — servindo assim como comprovante de transação entre as partes: comprador e vendedor.

Conforme mencionamos anteriormente, a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica foi desenvolvida a partir de 2007, e antes disso, as Notas Fiscais eram emitidas manualmente, em papel especial, o que ocasionava em erros de preenchimento e um grande acúmulo de espaço físico para armazenamento das mesmas.

Com a criação da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica através de serviços informatizados, com envio automático para a Receita dos municípios, ocorreu uma notável redução de erros manuais e redução de custos de armazenagem.

Além disso, podemos destacar que as empresas emissoras da nota fiscal eletrônica puderam contar com um maior controle financeiro e prevenção de fraudes de funcionários e terceiros.

NFS-e

Como emitir a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica?

Para emitir uma Nota Fiscal de Serviço Eletrônica, sua empresa deverá se adequar a alguns itens iniciais, como:

  • Cadastramento da empresa no site da prefeitura de sua cidade;
  • Certificado digital para emissão de NFS-E — alguns municípios não tornam obrigatório o uso do certificado digital, se a emissão da nota for realizada manualmente no portal do município. Entretanto, indicamos que sua empresa possua o Certificado Digital A1 para garantir segurança e praticidade na emissão das notas fiscais;
  • Conhecer o  CNAE do serviço  prestado pela sua empresa, ou verificar esta atividade com a contabilidade de sua empresa;
  • Software Emissor de Notas Fiscais, ou ainda melhor, um Software de Gestão que possui esta funcionalidade inclusa em seu sistema e ainda armazena durante 5 anos, as Notas Fiscais para eventuais consultas do Fisco.

Recomendamos também verificar com a contabilidade da sua empresa quais são os impostos que incidem sobre as NFS-E geradas, pois cada Regime Tributário têm as suas particularidades tributárias. Para as Notas de Serviço, o imposto é o ISS – Imposto sobre Serviço. A alíquota do ISS é definida pela legislação municipal.

Há também uma dúvida comum relatada por alguns empresários que emitem Notas Fiscais de Serviço Eletrônica para outros municípios. Segundo orientação do próprio portal da Prefeitura de Belo Horizonte, nestes casos, é o mais indicado é considerar e informar o local onde ocorrerá a incidência do ISSQN, ou seja, a cidade onde o serviço será prestado. Neste exemplo, em Belo Horizonte. Quando a NFS-e é tributada fora do município em que está sendo emitida, a alíquota será informada pelo contribuinte. Em outras situações, o site oficial da prefeitura recomenda que o local de prestação de serviços deverá constar no campo discriminação.

 

Confira também: Todo Empreendedor deve estar ciente dessas dicas fiscais

 

O que é importante saber para emitir uma Nota Fiscal de Serviço Eletrônica?

Primeiro, se o seu negócio não está caracterizado como MEI ou pessoa física, sua empresa é obrigada a emitir Notas Fiscais Eletrônicas, independente do regime tributário ao qual está inserido.

A não emissão é caracterizada como crime e suas penalidades estão previstas no artigo 1° da Lei 8.137/1990.

  1. A sonegação fiscal prevê prisão de 6 meses a 2 anos, além de pagamento de multa que varia entre 10% e 100% do valor de cada NF-E contestada;
  2. Empresas que não emitem Notas fiscais podem gerar desconforto aos clientes, ocasionado por problemas de confiança entre as partes e assim, resultando em uma imagem negativa ao negócio;
  3. O empresário que não emite Notas Fiscais em sua empresa não conseguirá contar com auxílio a créditos e investimentos para expandir seus negócios;

E para estar em conformidade com o Fisco, seja no site da prefeitura de sua cidade ou em um Software de Gestão, é importante estar atento ao preenchimento correto dos campos obrigatórios da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica. Alguns termos também são importantes para seu conhecimento, como:

Prestador

É aquele que oferece um serviço em troca de um benefício financeiro (empresa que produz eventos, por exemplo).

Tomador do Serviço

Seu cliente, ou aquele que contrata e recebe o serviço solicitado. (empresa que solicitou um evento corporativo, por exemplo).

Serviço

Trata-se do serviço em questão que sua empresa presta.

Em nosso Software de Gestão, SparkOne ERP é possível emitir de forma ágil, as Notas Fiscais de Serviço Eletrônicas. Veja aqui uma demonstração do sistema.

Certo, agora que você já sabe sobre as Notas Fiscais de Serviços Eletrônica, confira os 5 benefícios que a emissão de NFS-E entregam para otimizar a gestão da sua empresa.

5 benefícios da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

Confiabilidade

As Notas Fiscais Eletrônicas, não só a NFS-E, também a NF-E, NFC-E entre outras, possuem validade jurídica e fiscal para ambos os lados, garantindo o cumprimento do serviço e o controle fiscal para o emissor e para o comprador.

Praticidade

A emissão digital de uma Nota Fiscal de Serviços Eletrônica trouxe mais praticidade à operação porque reduziu bastante o tempo de preenchimento e emissão da nota. Além disso, é possível descrever vários serviços numa mesma NFS-E, desde que relacionados a um único item da lista, de mesma alíquota e para o mesmo tomador de serviço.

Reduz Erros Manuais

Com a automatização do preenchimento de NFS-E, cada campo tem sua função especificada, dificultando um possível erro de preenchimento pelo emissor.

Evita fraudes

Além de evitar fraudes internas, servindo como comprovação das transações na conciliação bancária, a automatização das notas fiscais também garante que as empresas não soneguem impostos junto aos órgãos fiscalizadores.

Com um Certificado Digital, que é uma identidade eletrônica única da empresa, a emissão torna-se mais segura, pois funciona como uma identificação virtual exclusiva e intransferível da empresa, evitando fraudes em nome do negócio.

Reduz  Custos

Redução do consumo de papel, com impacto direto ao meio ambiente. Evita gasto desnecessário com impressões e espaços para armazenamento, pois as Notas Fiscais Eletrônicas podem ser emitidas e armazenas digitalmente, em soluções de armazenamento em nuvem.

Aproveite e conheça o Software SparkOne!

Entre em contato e solicite uma demonstração para sua empresa. Emissão de Notas Fiscais Ilimitadas, ERP 100% Online e outros benefícios para gerenciar o seu negócio!

Gostou do conteúdo? Compartilhe!